Skip to content
Anúncios

Categoria: Crônicas

Série Mundo Paralelo – O Lago

Siga a água e logo encontrará um homem. Para nós, seres humanos, a água é indispensável, logo, deveríamos tratá-la muito melhor. Imagine um lago, vaidoso que só, belo, imponente, cercado […]

Série Mundo Paralelo – O Pequizeiro

Em minhas caminhadas pelo Cerrado é muito comum encontrar nos campos verdinhos, por onde pastam os gado, somente os pés de pequi. Com suas folhas grandes e seu tronco torto, […]

A viagem no tempo

Se existisse a viagem no tempo, mesmo que custasse os olhos da cara, eu faria das tripas coração para conseguir o dinheiro e ser capaz de fazê-la. Seria algo como […]

Cerrado, meu simples desabafo

Muitos são aqueles que apreciam o sabor das frutas do Cerrado, seja num picolé, sorvete, ou in natura,  que se impressionam com a beleza das águas do Cerrado, das nascentes […]

Morte na estrada

Morte na estrada Por instinto ele atravessa o caminho, uma luz forte paralisa o pobre animal. O som macabro entoa no ar, restam-se os restos espalhados no chão cinzento. É […]

Mundo paralelo – O médico e o rio

O rio procura um médico para que este lhe dê o diagnóstico de sua doença. Como de praxe, o rio descreve os sintomas de seus problemas. Rio – Bom dia […]

Ouvindo o Arrudas

O Arrudas é um ribeirão que passa pela região metropolitana de Belo Horizonte MG, e que sofre com os efeitos da expansão urbana, como a grande maioria dos mananciais que […]

Meco, leve-me junto no seu embornal

Altair Sales Barbosa* Publicado no jornal “TRIBUNA DO PLANALTO” em 15/04/2006 Quando da última passagem do cometa de Halley, próximo à orbita da Terra, me encontrava num local que denominei […]